8 de abril de 2009

Aprendizado virtual

Há bastante tempo proliferam-se na internet cursos à distância, podcasts e outras formas de transmissão de conhecimento que, cada vez mais, envolvem áudio e vídeo.

Eu dou alguns cursos à distância através do Aulavox -- inclusive coloquei um widget aí do lado direito, onde eles anunciam as próximas atividades ligadas a tradução -- e pretendo tentar organizar outros tipos de oficinas. Esse tipo de recurso sai mais em conta do que conseguir uma locação física, é eficiente e extremamente prático, pois basta se conectar na hora certa (em caso de eventos ao vivo) para assistir à aula. Até em cursos presenciais passa a ser interessante usar alguns recursos da internet, seja para promover uma discussão virtual ou para aproveitar materiais que estejam online.

Podcasts são gravações em áudio ou vídeo regulares, publicadas em formato semelhante ao de um blog especializado. Geralmente é possível ouvi-los no site ou baixá-los para qualquer aparelho de MP3, para ouvir em qualquer momento. Eu assino vários podcasts que se atualizam automaticamente e vão para o iPod: notícias, receitas, palestras e discussões variadas.

Há um podcast sobre tradução, o Speaking of Translation. As duas autoras são tradutoras americanas que selecionam temas ligados à profissão e os apresentam em forma de bate papo.

Outra moda são os chamados "webinars", seminários virtuais. O ProZ está com vários deles, alguns grátis e outros pagos.

A Portuguese Language Division da ATA também está oferecendo webinars usando recursos do Skype.

Também há webinars ensinando a usar a memória de tradução Wordfast. Uma é mais introdutória e outras são específicas.

Quase tudo isso pode ser aprendido lendo um site ou um livro, ou indo a uma palestra. São apenas formas diferentes, práticas e geralmente muito baratas (ou mesmo grátis) de obter as mesmas informações. Eu não tenho carro, então o iPod está sempre cheio de podcasts para ouvir no metrô, ou caminhando, ou fazendo coisas chatas como aspirar a casa ou lavar louça, quando seria impossível ler um livro.

Alguns colegas estão desenvolvendo a idéia de um podcast brasileiro, com vários colaboradores, sobre tradução. Assim que ele sair do papel, eu aviso.

3 comentários:

Green Womyn disse...

Avise sim. Vou adorar ouvir um podcast brazuca sobre tradução!

Carolina disse...

Olá Carol,

Estou totalmente de acordo com você. Tão legal ver essa transmissão de conhecimento via internet.
Eu mesmo estou achando o máximo fazer seu curso via aulavox. Muito moderno tudo isso!
Só tem uma desvantagem a meu ver: é quando o bendito sinal não funciona e você perde o curso por isso.
Graças a Deus, ainda não aconteceu isso comigo fazendo seu curso. Mas já aconteceu fazendo outros.
Mas prefiro assim do que nunca fazer um curso ...
Abraços,
Carol Fernandes
www.elquijote.com.br/blog

Carol disse...

É, nesta última turma uma pessoa perdeu uma aula porque faltou luz no bairro. Mas bom, por outro lado, em cursos presenciais quanta gente não perde a hora por causa do trânsito, da chuva, etc? Até mesmo uma gripe não impede que a pessoa assista à palestra tomando chá e enrolada num cobertor :-)

Eu acho mesmo que o ambiente presencial oferece vantagens na interação que são difíceis de superar virtualmente. Por outro lado, perder tudo o que rola na internet em termos de aprendizado é um desperdício, até porque muita coisa é grátis ou a custo muito baixo.

Um abraço.